Saiba quais são as especializações mais procuradas na Engenharia

Saiba quais são as especializações mais procuradas na Engenharia

É engenheiro e não sabe por onde começar? Descubra quais são as especializações mais procuradas

Formei, e agora? Essa é uma dúvida que muitas pessoas têm depois que terminam a graduação. O primeiro objetivo é uma colocação no mercado de trabalho. Mas, depois de conseguir um emprego, o profissional se depara com outros desejos, como evoluir na carreira e obter um cargo melhor. Para que isso aconteça, é importante não se acomodar e buscar sempre atualização a respeito do mercado em que está inserido.

Existem diversas graduações disponíveis e esses cursos oferecem um grande leque de opções para seguir dentro de uma determinada carreira. A Engenharia é um exemplo disso: segundo o site Guia do Estudante, a profissão conta com 34 áreas.

Entre as Engenharias mais procuradas estão a Engenharia Ambiental e Sanitária, a Civil, da Computação, de Produção, a Elétrica e a Mecânica.

Mas quais são as especializações disponíveis dentro da Engenharia? E como posso direcionar minha carreira para as minhas áreas de interesse? É sobre isso que vamos falar mais à frente.

Um boa dica para os recém formados é atuar por um período no mercado, como forma de identificar quais são as áreas dentro do campo profissional com as quais se identifica mais.

No entanto, o prazo para essa experiência deve ser limitado, já que, sem uma especialização, o mercado para o profissional acaba se tornando limitado na maior parte das áreas da Engenharia.

Outra dica básica, mas muito importante, é que os aspirantes a uma especialização devem ficar atentos à área da Engenharia a que já são formados. Segundo as diretrizes dos órgãos que regulamentam a profissão, o profissional é impedido de assinar projetos de áreas diferentes da qual é graduado.

Isso impede, por exemplo, que um engenheiro mecânico assine projetos da Construção Civil e vice-versa – e isso deve ser considerado na hora de escolher a pós-graduação

Quais são os nichos?

Dentro do amplo campo de atuação das Engenharias, a área da Engenharia Civil é uma das que mais de destaca.

Dentro desse campo, um nicho com boas possibilidade é o das auditorias e perícias técnicas, que ainda apresenta carência de mão de obra no Brasil.

Outras opções de especialização que podem ser interessantes para os engenheiros civis são as que trabalham o ferramental BIM, que hoje é fundamental para os profissionais que exercem função no campo da Construção Civil.

Ainda dentro do universo dessa engenharia estão disponíveis as especializações que abordam o gerenciamento de obras. São cursos interessantes para os que desejam uma visão global do andamento de uma obra, contemplando o inter-relacionamento dos diversos estágios de uma construção, como fundaçõesimpermeabilizações e alvenarias, por exemplo.

Outro nicho de especialização é o que se dedica aos projetos, execuções e desempenho de fundações. Essas especializações normalmente têm foco em quatro princípios: concepção, projeto, execução e controle. O enfoque é na prática e no desempenho estrutural.

engenharia elétrica, por sua vez, é uma das mais tradicionais divisões da área e para ela também existem cursos de especialização, como os que tratam de projetosexecução e controle da Engenharia Elétrica. Ela atende tanto aos que querem se especializar, como também aos que pretendem se atualizar na área.

Outra forma de os engenheiros eletricistas impulsionarem a carreira é procurando cursos que se aprofundem em eficiência energética e fontes renováveis. Esse tipo de especialização é visto como um trunfo, pois o mercado de energia limpa e renovável deve crescer com a demanda pelo consumo consciente.

Já para os engenheiros de produção, uma das opções são os cursos de Gestão de Qualidade e Engenharia de Produção. Eles propõem abordagens integradas com as rotinas e práticas da área, visando o conhecimento das normas de qualidade mais valorizadas pelo mercado.

Além desses cursos para setores específicos, existem ainda especializações mais amplas e que atendem às diversas Engenharias.

Algumas delas são as com foco em: infraestrutura de transportes; projeto, desempenho e segurança em geração e distribuição de energia; e perícia, auditoria e gestão ambiental, entre outras.

A importância de se especializar

De acordo com o CREA (Conselho Regional de Engenharia e Agronomia), existem mais de 1,5 milhão de profissionais ativos no Brasil. Por isso, uma alternativa para se aprimorar é fazer uma pós-graduação que traz conteúdos tanto para quem busca se diferenciar entre os profissionais do mercado, como para quem procura atualização de acordo com as novas normas vigentes e tendências.

Um MBA ou uma especialização também são ideais para quem busca reposicionamento profissional no mercado de Engenharia por meio de uma reciclagem técnica. O curso também oferece ao profissional direcionamento para posições gerenciais, em que ele pode desenvolver a habilidade em gestão de pessoasliderança e formação de equipes de projetos.

Em um mercado tão concorrido, os profissionais mais preparados têm mais chance de se destacar no mercado. Concluir uma pós-graduação é um passo importante para quem quer ter um diferencial no currículo. E você, o que faz para se destacar se atualizar e evoluir na carreira?

Fonte: IGC Educação



WhatsApp chat